Encontre Aqui A Postagem Desejada:

Carregando...

Curta Nossa Página No Facebook e Fique Sempre Bem Informado !

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Quatro crianças ficam feridas em acidente na BR-232, em Arcoverde


Quatro crianças ficam feridas em acidente na BR-232, em Arcoverde
Quatro crianças e um casal ficaram feridos em um acidente nessa quarta-feira (10) na BR-232, em Arcoverde. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Jailson José Alves de Oliveira, de 31 anos, teria perdido o controle do veículo que conduzia no quilômetro 251 e batido na traseira de um caminhão cegonha.

Ainda segundo a polícia, ficaram feridas, além do motorista, Aline Marília Amaral, esposa do condutor, e quatro crianças, de idades não informadas. Duas das crianças feridas são filhas do motoristas. As outras duas são sobrinhas dele. A PRF informou ainda que a pista molhada pode ter contribuído para o acidente. O Hospital Regional de Arcoverde, para onde os feridos foram levados, informou que eles estão em observação e nenhum corre risco de morte.

Informações do NE10 | ​Foto: Divulgação/Dárcio Rabêlo

Carnaval do Recife atraiu público recorde de 1,5 milhão de foliões

Carnaval do Recife atrai público recorde de 1,5 milhão de foliões

Nem mesmo a crise que assola o país conseguiu minimizar a alegria dos foliões durante o carvanal 2016. Da sexta-feira até a madrugada da Quarta-feira de Cinzas, 1,5 milhão de pessoas aproveitaram a festa nos 52 polos oficiais da Prefeitura do Recife. Somente na segunda-feira, durante os shows de Nação Zumbi, Jota Quest e o Rappa, o Recife Antigo atraiu um público de 300 mil pessoas. As informações foram divulgadas nesta quarta-feira durante o balanço da folia articulado pela PCR.

Ao todo, houve 2.504 apresentações entre agremiações e atrações de palco. Ao todo, 952 artistas subiram aos palcos, sendo 99% de músicos locais. Ainda teve 824 atendimentos a blocos de rua e 700 shows de orquestras. De acordo com a Empresa Pernambucana de Turismo (Empetur), Recife teve 96,4% de ocupação hoteleira. Nos questionários desenvolvidos para turistas, o índice apontou 89% como acima das expectativas ou atendendo as expectativas. Dos entrevistados, 97,8% adiantaram que pretendem voltar.

Atendimentos médicos

A rede municipal de saúde contou com sete serviços de Pronto Atendimento com incremento de profissionais neste carnaval, além das Upinhas 24h. Foram realizados 6.949 atendimentos com destaque para as urgências clínicas e pediátricas (3.780 e 2.589, respectivamente), 356 atendimentos em traumas, 211 odontológicos e 11 cirurgias. Além disso, as três maternidades do Recife funcionaram normalmente e realizaram 172 partos e 913 atendimentos de mulheres. 

Segurança

A Guarda Municipal do Recife reforçou a segurança nos polos com 367 agentes por dia. Ao todo, 242 pessoas foram detidas por tumulto e briga. Na segunda-feira, dia em que foi registrado tumulto no Recife Antigo, foram 173 detidos pelos agentes da Guarda.

Comércio

Os 228 estandes oficiais montados no carnaval, sendo 96 nos polos centrais, 107 nos polos de bairro movimentaram um total de R$ 2,3 milhões. Ao todo, foram beneficiadas diretamente 750 trabalhadores dos setores de bebidas e alimentos, artesanato, corte e costura, por meio de sete associações de bebidas e alimentos e 14 de artesanato, corte e costura.

Limpeza Urbana

A Empresa de Manutenção e Limpeza Urbana do Recife montou um esquema especial com 1.056 garis e 100 fiscais para garantir a limpeza da cidade durante a festa. Ao todo, foram removidas 530 toneladas de lixo, 71 toneladas a mais do que no ano passado. Somente durante o desfile do Galo da Madrugada, foram 120 toneladas.

Prêmios

Foram distribuídos mais de R$ 750 mil em prêmios nos concursos de carnaval - agremiações, rei e rainha do carnaval, fantasias, passistas, porta-estandarte, porta-bandeira e mestre sala e porta-flabelo.

Achados e perdidos

O serviço de achados e perdidos atendeu 250 pessoas. E 110 objetos, entre carteiras e documentos de identidade, foram devolvidos aos donos. Outros 80 ainda estão aos cuidados da Secretaria de Turismo e Lazer. Até sexta, os documentos poderão ser resgatados na sede da PCR, no horário comercial. 

Aplicativo

O aplicativo mobile desenvolvido para o carnaval teve 5.407 downloads. O serviço oicial para Android e iOS disponibilizou as principais informações sobre a folia recifense, como polos, programação e serviço. A página oficial do carnaval teve 46.671 acessos únicos entre os dias 13 de janeiro e 10 de fevereiro. Foram 152.346 visualizações.

Com informações e foto do Diario de Pernambuco

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

Chegando as eleições…

eleições

Passada a folia do Carnaval, as atenções no setor político são voltadas para o pleito eleitoral deste ano. O calendário das Eleições Municipais 2016, aprovado pelo Plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em novembro do ano passado, incorpora as modificações introduzidas pela Lei 13.165, aprovada pelo Congresso Nacional em 29 de setembro de 2015. O calendário contém as datas do processo eleitoral a serem respeitadas por partidos políticos, candidatos, eleitores e pela própria Justiça Eleitoral.

Conforme o previsto na Constituição Federal, a eleição será no dia 2 de outubro, em primeiro turno, e no dia 30 de outubro, nos municípios onde houver segundo turno. Os eleitores vão eleger os prefeitos, vice-prefeitos e vereadores dos municípios brasileiros. É importante estar atento aos novos prazos e datas. 

Quem quiser concorrer aos cargos eletivos deste ano deve correr contra o tempo, já que o prazo máximo para se filiar a um partido político é até o dia 2 de abril de 2016, ou seja, seis meses antes da data das eleições.

As convenções para a escolha dos candidatos pelos partidos e a deliberação sobre coligações devem ocorrer de 20 de julho a 5 de agosto de 2016.

Os pedidos de registro de candidatos devem ser apresentados pelos partidos políticos e coligações ao respectivo cartório eleitoral até às 19 h do dia 15 de agosto de 2016.

A campanha eleitoral foi reduzida de 90 para 45 dias, começando em 16 de agosto. O período de propaganda dos candidatos no rádio e na TV também foi diminuído de 45 para 35 dias, tendo início em 26 de agosto, em primeiro turno.

O dia 4 de maio é a data limite para o eleitor requerer inscrição eleitoral ou transferência de domicílio. Também é o último dia para o eleitor que mudou de residência dentro do município pedir alteração no seu título eleitoral e para o eleitor com deficiência ou mobilidade reduzida solicitar sua transferência para Seção Eleitoral Especial.

Vírus da zika tem disseminação mais rápida que o da dengue, diz Fiocruz…

Cas_ArbWEAA9kaD

Identificado pela primeira vez no Brasil em abril de 2015, o vírus da zika tem um poder de disseminação muito maior que o vírus da dengue, segundo o vice-presidente da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), Rodrigo Stabile. “Se a gente comparar os índices de espalhamento das duas doença, vê que o que o vírus da zika se espalha muito rapidamente”, disse Stabile segunda-feira (8), em Ribeirão Preto (SP),cidade que possui mais de 800 casos suspeitos da zika em 2016 e que vive epidemia de dengue.

A comparação feita pelo pesquisador é baseada no tempo de propagação de epidemias desse tipo de doença no território brasileiro.“A gente teve a primeira epidemia de dengue no Rio de Janeiro e a gente levou um ciclo de 5 anos para poder atingir todo o país, e vemos o vírus da zika atingindo o mesmo patamar em menos de um ano”, afirmou.

De acordo com o vice-presidente da Fiocruz, um dos motivos para a disseminação mais rápida da doença é a fácil adaptação do vírus.“É bastante adaptado ao ser humano e um vírus bastante adaptado ao seu vetor de transmissão, o Aedes aegypti, mostrando que ele se transmite de forma rápida”, disse Stabil.  Na sexta-feira (5), a Fiocruz anunciou que que o vírus da zika foi encontrado de forma ativa na urina e na saliva de pacientes com sintomas compatíveis ao da doença. Isso comprova a atividade viral, segundo os cientistas. Ainda assim, pesquisas aprofundadas serão necessárias para comprovar se necessariamente haverá infecção através de fluidos. (G1)

Campanha da Fraternidade Ecumênica alerta para desafios do saneamento básico…

CF2016

Realizada pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e pelo Conselho Nacional de Igrejas Cristãs (Conic), a Campanha da Fraternidade Ecumênica 2016 terá como tema “Casa comum, nossa responsabilidade” e lema “Quero ver o direito brotar como fonte e correr a justiça qual riacho que não seca” (Am 5.24), com foco no saneamento básico, desenvolvimento, saúde integral e qualidade de vida aos cidadãos.

“Em sintonia com o Conselho Mundial das Igrejas e com o papa Francisco, sobretudo depois que ele lançou a encíclica Laudato Si’, a Campanha da Fraternidade chama a atenção sobre o atual modelo de desenvolvimento que está ameaçando a vida e o sustento de muitas pessoas, sobretudo dos mais pobres”, explica o bispo de Barra do Piraí-Volta Redonda (RJ) e presidente da Comissão Episcopal Pastoral para o Ecumenismo e o Diálogo Inter-Religioso da CNBB, dom Francisco Biasin. Ele destaca que o atual modelo econômico, baseado no lucro, deve mudar, pois não favorece a biodiversidade e o desenvolvimento sustentável para a humanidade.

terça-feira, 9 de fevereiro de 2016

Papangus fazem terceiro maior carnaval do estado em Bezerros

Papangus fazem terceiro maior carnaval do estado em Bezerros


Vestidos com roupas compridas, cabeleiras coloridas e lanças nas mãos os Papangus de Bezerros, fizeram neste domingo o terceiro maior carnaval do estado. A tradição leva cerca de 300 mil pessoas ao município. 

Nascido ainda durante o Entrudo (carnaval do século 19), os papangus têm uma história engraçada. Papangu significa na verdade, papa-angu, e recebeu esse nome pois, segundo conta a tradição, homens decidiram se esconder atrás de máscaras e roupas compridas para que ninguém descobrisse sua identidade, e percorriam as casas de amigos e parentes. Esses serviam angu para os convidados mascarados. 

Antigamente as máscaras eram feitas do fruto coité e pintadas com azeitona preta, açafrão e folha de fava e as roupas eram simples, muitas vezes feitas com folhas de bananeiras. Hoje em dia as máscaras mais tradicionais são feitas com papel colê ou machê, cola e tinta. Há quem ouse fazê-las ainda de borracha, couro e plástico, e as roupas ganharam cores e variações. Calças, mantas e cáftas (tecidos que cobrem todo o corpo), recebem chocalhos ao redor e na mão um maracá de coco seco com pedra dentro. 

Foto: Larissa Rodrigues/DP

Debate sobre bullying se torna obrigatório nas escolas brasileiras…

bullying-original

Antes tabu nas escolas, o bullying ganha cada vez mais espaço como tema de aula. Colégios apostam em estratégias diversas – de cartilhas a teatros – para prevenir e combater esse tipo de violência. Uma lei federal, que começa a vigorar nesta semana, vai obrigar todas as escolas a ter ações contra o bullying.

Além dos estabelecimentos de ensino, a nova regra vale para clubes e agremiações recreativas. Pais e professores também devem ser orientados sobre bullying – quando há perseguição sistemática, física ou psicológica, presencial ou virtual. Outra previsão é dar assistência psicológica e jurídica às vítimas e aos agressores.